Venho mediante a esse barulho, apontar pro espelho e denunciar
A minha preguiça escrota e o meu ego, esse estereótipo que eu aceitei

Vamo' lembrar que em marcos fortes de revolução
Houveram erros, houve opressão
Ninguém é perfeito, ninguém é de aço
Capitalismo chama tua atenção

Pra o que interessa à classe dominante
E sе tu não corre atrás de informação
É uma cagada: aprendе a falar e não faz nada

Fuzilaram com um texto gigante e umas mil desculpas e eu percebi
Que tem semelhança com quem eu era, mas não precisei contar nada a vocês

Vamo lembrar que o erro alheio não dá permissão
Pra usar da nossa boa fala, tecnologia e comunicação pra se mascarar
Tarefa merda, nós tamo ligado
Somos em muitos, olhe pro seu lado
Ninguém me avisou... que por minha causa o mundo piorou!

Vale parar, pensar e auto-refletir
Mas não passo por cima
Não esqueço esse espiral de ódio onde eu nasci
O mundo já era podre, submisso à autoridade

Líderes conservadores
Incitadores do ódio
Governo totalitário
Elite separatista

Líderes conservadores
Incitadores do ódio
Democracia burguesa
Merece uma chuva de bala

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *