Froid – Indústria do Medo

LYRIC
Indústria do Medo

Toda indústria fica em choque quando eu faço que devo
Considerando que acabei de produzir esse brinquedo
Delata os covardes, entregam meu drug dealer
Eu me transformo em godzilla
Qualquer um que um dia queira o meu medo
Cadeia alimentar, equilíbrio
Só matou os ratos, porque eu gosto de queijo
Só sou casado porque eu gosto de beijo
Mais do que gosto de toxina
Mais perigoso, que ter piscina e promover
Esse frevo de bêbados, balas doces e bubbaloo
O mano não dá valor, tá maluco
Minha vida tá toda no gravador
Escuta isso aqui enquanto lavo a louça
.380 no guarda roupa
“Quem é injusto seja injusto ainda
E quem é sujo seja sujo ainda
E quem é justo seja justificado ainda
E quem é santo seja santificado”

Evolução da espécie
Não falta muito tempo, é o fim dos tempos
Como quer fazer a coisa certa sem o exemplo?
Vermes e demônios
Marilyn Manson
Limpo a minha casa com incenso
Leio algum presságio num inseto
O tempo todo “eu”, doeu demais viver à frente
Eu sou raro, mas existo
Igual um doente
Recebo o prêmio bebo igual a Amy
Você nem canta, treme
Tu só fala igual a AM
Eu faço um frame virar um filme na sua frente
Vi de quase tudo, então quase nada surpreende
Eu não quero mínimo quero o suficiente
Quem é raso não me entende
Seu vazio não me preenche

“O dia do senhor, porém virá como ladrão
Os céus desaparecerão como um grande estrondo
Os elementos serão desfeito pelo calor
E a Terra e tudo que nela há será desnudada, meu irmão
O selo está se abrindo, Jesus está voltando. ”
Jogador sem chuteira
Não vou competir com quem comprou a bola
Eu não vim me divertir não vou cair agora
Ele lucra mais que eu porque o demônio adora ver você na roda
Feito um rato de laboratório
Meu estúdio fica em baixo do meu escritório
Por que negócios são negócios
No fundo nem gosto
Mas não confio mais nos outros
A grana cai na minha conta
E eu mesmo que conto
Esse dia foi louco
Agrego grana para salvar Agosto
Fumando grama cheia de agrotóxicos
Cientistas católicos e agnósticos
Não entendem uma gota desse maremoto
O ar ‘tá rarefeito
Ou eu to muito alto?
Eu vejo um desafeto no efeito do álcool
Ou, ta faltando afeto
Eu sinto a dor no peito
Por que meu celular é um filtro eletromagnético

“E se alguém tirar quaisquer das palavras do livro dessa profecia
Deus tirará sua parte do livro da vida e da vida e da cidade santa e das coisas que estão escritas neste livro
Aquele que testifica estas coisas diz: Certamente veio cedo, Amém
Ora vem senhor Jesus”

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *